Papa Francisco recebe novo embaixador do Brasil junto à Santa Sé

O novo embaixador do Brasil junto à Santa Sé, Everton Vieira Vargas foi recebido hoje (6) em audiência pelo papa Francisco, no Vaticano, para entregar suas “credenciais como embaixador do Brasil junto à Santa Sé”. Everton foi indicado para o cargo pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em março deste ano e seu nome foi aprovado pelo Senado no dia 17 de maio.

Everton Vieira disse a Vatican News, serviço oficial de notícias da Santa Sé, que “foi uma alegria muito grande” estar com Francisco. Para o embaixador, o encontro com o papa “foi o momento decisivo para iniciar efetivamente” sua missão no Vaticano.

“Recebi dele carinho, simpatia e incentivo para tratar de temas convergentes entre a Santa Sé e o governo brasileiro. Tenho certeza de que poderei contribuir para intensificar e aprofundar o diálogo e as relações entre o Vaticano e o governo brasileiro. Isso ficou muito claro por ocasião da visita que o presidente Lula fez ao Vaticano em junho passado”, disse.

Everton Vieira Vargas é diplomata de carreira, doutor em sociologia pela Universidade de Brasília (UNB) e autor de artigos sobre meio ambiente e desenvolvimento sustentável, tema recorrente no pontificado do papa Francisco.

Ele foi embaixador do Brasil em Berlim, Alemanha, entre 2009 e 2013; em Buenos Aires, Argentina, de 2013 a 2016; e junto à União Europeia em Bruxelas, Bélgica, de 2016 a 2019. Além disso, foi subsecretário-geral político e diretor do Departamento de Meio Ambiente e Temas Especiais do Ministério das Relações Exteriores e Chefe da Divisão do Meio Ambiente entre 1998 a 2001; secretário executivo da Comissão Interministerial Preparatória da Cúpula Mundial sobre Desenvolvimento Sustentável e negociador brasileiro no Comitê Preparatório e na Cúpula propriamente dita em 2002, em Joanesburgo, capital da província de Gauteng, na África do Sul; e subsecretário-geral de Assuntos Políticos do Itamaraty entre 2007 a 2009.

 
Indique a um amigo